NOTÍCIAS

ACIP


Black Friday: como preparar o seu estoque?

ÚLTIMAS

NOTÍCIAS

A Black Friday é aguardada com ansiedade tanto pelo consumidor quanto pelo lojista que vê nesta data uma oportunidade de aumentar suas vendas.

Para aproveitar este momento é essencial que todo processo esteja bem traçado. Desde a definição de metas, controle financeiro e de estoque e boa execução, para que os objetivos sejam alcançados e até superados.

Criada pelo comércio dos Estados Unidos para ser um dia de grandes descontos, o sucesso da Black Friday foi tanto que se disseminou pelo mundo. No Brasil, o tradicional “dia de ofertas” pode se estender por uma semana e até um mês.

Muitas pessoas aguardam ansiosamente essa data para comprar produtos com desconto. Por isso, os lojistas devem estar atentos à relevância desta data, que já é tão ou mais importante quanto o Natal.

Segundo dados do site Reclame Aqui, 64,6% dos consumidores brasileiros já estão pesquisando os valores dos produtos nas lojas para depois comparar e comprar.

A Black Friday de 2018 bateu recorde de vendas. Para 2019, a expectativa é de um aumento de 18% em relação ao ano anterior.

Você não vai querer ficar de fora! A Black Friday acontece no final de novembro, mas o planejamento precisa começar agora para evitar erros comuns que acontecem durante essa época.

Será que a sua empresa está preparada para passar por esta data sem problemas?

Assim como esse período pode alavancar as vendas, a falta de planejamento para a Black Friday pode se tornar um pesadelo para o lojista. Seja por causa do site que não funcionou, das propagandas mal desenvolvidas e até mesmo pela falta do produto oferecido. As reclamações e o prejuízo por conta da falta de planejamento são grandes.

Por isso, é essencial se planejar para essa data especial do comércio, alinhar com os fornecedores e preparar o seu estoque para suportar o tráfego extra.

Análise de estoque para a Black Friday

Seja em loja física ou virtual, a preparação para a Black Friday envolve planejamento e, principalmente, controle de estoque.

Divulgação de campanha, bons descontos, recepção ao consumidor, tudo isso é fundamental para alavancar as vendas na Black Friday, mas o bom resultado depende da manutenção adequada do estoque.

O primeiro passo para se preparar para a época de descontos é fazer um levantamento do comportamento dos clientes e selecionar os produtos que vão entrar em promoção.

Com isso decidido, é hora de dar atenção especial ao estoque para que não fique sem as mercadorias durante a promoção. Afinal, de nada adianta atrair o consumidor se o produto não está mais disponível.

Mas atenção! Cuide para não estocar produtos demais, em especial os que não têm tanta saída, pois, caso venda e não puder devolvê-los ou trocá-los com o fornecedor, terá prejuízo.

Levante a média de vendas e estime o aumento durante esse período, especialmente para os produtos que já possuem uma grande saída e que, com a promoção, irá aumentar a procura.

Faça uma análise de estoque e o prepare para atender à demanda conversando com seus fornecedores sobre a capacidade de entrega para a data. Talvez seja necessário até procurar novos para evitar atrasos de entrega.

A organização e o mapeamento do estoque são necessários para evitar prejuízos com erros de operação.

Contar com um bom software de gestão faz toda a diferença, já que facilita e agiliza seu controle de estoque. Uma vez cadastrado o produto, ficam registradas todas as movimentações. Assim, poderá gerenciar melhor seu estoque, prever o quanto terá de comprar, acompanhar as movimentações, controlar o fluxo de caixa, entre outros.

Se essa é a sua primeira Black Friday, invista em um software de gestão empresarial para realizar o estudo e o mapeamento do seu estoque com mais rapidez e facilidade.

Já passou por outras promoções? Então avalie o resultado da sua operação, como seu sistema se comportou, teve vendas perdidas por conta de erros operacionais?

Evite prejuízos desnecessários e opte por sistema completo que ofereça relatórios detalhados sobre suas vendas e estoque. Ter um bom programa de controle de estoque fornece informações úteis para você gerenciar seus produtos, pedidos, compras, transferências, fornecedores. Isso será sentido nas vendas.

Através de um software de gestão empresarial, você gera inventários de estoque facilmente e tem todas as informações sobre seus produtos e suas respectivas quantidades.

Além disso, a gestão entre lojas é realizada de forma simples, efetuando transferência de mercadorias disponíveis de uma loja para outra sem perda do controle de estoque.

Tudo fica mais fácil e organizado com um sistema de gestão empresarial, principalmente nesta época do ano, na qual a expectativa de lucrar mais é grande e a movimentação de compra e venda aumenta. Confira na prática os melhores resultados e garanta um excelente controle de estoque para sua empresa.

Fonte: Administradores
Últimas Noticias
Reforma trabalhista completa 2 anos; veja os principais efeitos

A reforma trabalhista, que completa dois anos nesta segunda-feira (11), trouxe modificações nas relações de trabalho, porém esbarra em questionamentos na Justiça, trazendo insegurança jurídica para col...

Governo Bolsonaro vai rever normas para operar empresas

O governo vai rever todas as normas federais que regulamentam a operação das empresas, inclusive de indústrias. O objetivo é, após cerca de dois anos de análises, republicar as normas com novas metodologias, mais si...

Começa nova fase de implantação do Cadastro Positivo

A partir desta segunda-feira (11) tem início a nova fase de implantação do Cadastro Positivo, quando os cinco principais bancos do país e aproximadamente cem instituições financeiras começarão a compar...